Galeria de marcadores

Cadeirante recebe multa por não conseguir atravessar rua antes do sinal fechar

Kyle Wolfe levou multa por não atravessar rua no tempo determinado
Reprodução Fox 31/ Denver


Mesmo após ser atingido por carro, Kyle Wolfe foi notificado por guarda de trânsito

EUA - Um cadeirante da cidade de Denver, nos Estados Unidos, afirma ter recebido uma multa por não ter conseguido atravessar uma rua rápido o suficiente para pegar o sinal verde durante todo o trajeto.

De acordo com o site metro, Kyle Wolfe conta que começou a atravessar a via quando o semáforo abriu para os pedestres. Porém, de acordo com o deficiente, o tempo estipulado era de apenas 20 segundos.
Wolfe conta que quando estava a um metro e meio de concluir o trajeto, o sinal abriu para os motoristas, que avançaram e ele acabou sendo atingido.
Segundo a vítima, o acidente resultou em alguns arranhões e na perda total da cadeira de rodas, que ficou destruída. Mesmo assim, ele acabou multado por um guarda de trânsito, que alegou que ele havia desrespeitado o semáforo.
De acordo com uma regulamentação federal da cidade de Denver, dados mostram que um pedestre anda a um metro por segundo, sendo passível de punição caso atrapalhe no tráfego de ruas por não atravessar vias no tempo determinado.
Wolfe, que briga na Justiça para não pagar a multa, alega que a determinação não considera a condição dos cadeirantes e também conta que no dia do incidente, transportava alguns pertences no colo, o que o deixavam mais lento ainda.

................. Gata de Rodas ..................



Fique por dentro das notícias com o Blog Gata de Rodas
Bora lá seguir e se cadastrar: Gata de Rodas     
E receba matérias exclusivas. Beijos 

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Topo