Galeria de marcadores

Gata de Rodas palestrando na III Semana da Diversidade da Escola Politécnica da USP


Tarde incrível! E foi nesse clima animado e descontraído que toda a formalidade da palestra "Sexualidade e Deficiência" se desconstruiu e se tornou em uma deliciosa roda de conversas com esses jovens estudantes dos mais diversos cursos da USP que ouviram atentamente os relatos da blogueira Gata de Rodas e do jovem Matheus Emílio da Página Menino Gay.


A Gata de Rodas contou a sua história de vida começando pela família, escola, saúde e mercado de trabalho, passando pela moda e pelo tabu da sociedade em relação a sexualidade da pessoa deficiente, chegando no ativismo e na militância na causa da Pessoa LGBT com deficiência que logo de início teve uma maravilhosa conquista ao conseguir incluir a pessoa deficiente na Parada LGBT/ 2017 a qual tornou-se com esse feito a primeira  totalmente inclusiva nos seus 21 anos de existência aqui em São Paulo. A Gata de Rodas falou também sobre o capacitismo, homofobia, racismo, machismo e sobre a prostituição, violência sexual, entre outros assuntos que transcorreu em forma de um animado bate-papo que por vez era interrompido por perguntas dos atentos alunos.


E o amigo Matheus da Página Menino Gay, um dos mais ativo membro do Grupo de Trabalho Jovem (GT Jovem) da APOGLBT, que também abraçou a causa da pessoa deficiente ao constatar que a sua Página Menino Gay do Facebook, falou sobre do 1º Piquenique LGBT com Deficiência que aconteceu em abril no Parque do Ibirapuera e que devido a repercussão positiva nas redes sociais, fez com que a 2ª edição do Piquenique, que aconteceu em setembro também no Ibirapuera, tornasse o evento de abertura da 1° Conferência Internacional da Diversidade e Turismo LGBT.



Ao idealizarem a palestra Sexualidade e Deficiência, esses jovens alunos USP e futuros profissionais das mais diversas áreas do conhecimento, mostraram interesse não só em agregar conhecimentos, mas também em construir uma sociedade mais justa, igualitária e aberta a causa da diversidade.


E assim, o tema Sexualidade da Pessoa com Deficiência LGBT finalmente chegou no meio acadêmico e acredito que em breve importantes estudos sobre o assunto serão feitos nessa renomada Universidade, afinal pessoa com deficiência também tem orientação sexual, identidade de gênero, faz sexo, tem desejo, sente prazer como qualquer outra pessoa, mas para a família, a sociedade e o Estado tudo isso ainda é um tremendo tabu.


A palestra "Sexualidade e Deficiência" aconteceu na USP, na tarde de segunda-feira, 06/11/2017, e foi organizada pela Frente PoliPride e Semana da Diversidade da Escola Politécnica.




Fique por dentro das notícias com o Blog Gata de Rodas
Bora lá seguir e se cadastrar: Gata de Rodas     
E receba matérias exclusivas. Beijos 

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Topo